sexta-feira, 10 de junho de 2016

Paladino do Voto da Coroa

Saudações, nobres cavaleiros!

Conforme discutimos há alguns meses, a Wizards of the Coast está buscando trazer em seus suplementos, gratuitos ou não, novas opções para personagens, especialmente na forma de novos arquétipos. Em Sword Coast Adventurer´s Guide, há alguns arquétipos que podem ser interessantes dependendo da ambientação jogada, e um deles é o Voto da Coroa para o paladino.

O paladino que segue o Voto da Coroa está ligado a algum reino de tendência boa (como Cormyr, ou Gondor), jurando lealdade a um monarca justo e honrado. Este arquétipo mistura os ideias clássicos presentes no Voto da Devoção com habilidades militares de liderança do guerreiro Battle Master:

Magias Adicionais
Nível 3: Comando, Compelir Duelo; 
Nível 5: Elo Protetor, Zona da Verdade; 
Nível 9: Aura da Vitalidade, Guardião Espiritual; 
Nível 13: Banimento, Guardião da Fé; 
Nível 17: Círculo de Poder, Missão.

Desafio do Campeão (Nível 3): Com uma ação e um uso de Canalizar Divindade, os alvos de sua escolha a até 9m devem passar em resistência de SAB. Caso falhem, não podem se mover por vontade própria para mais longe do que 9m de você. O efeito acaba caso você seja incapacitado, morto, ou se a criatura for movida para além de 9m de você.

Virar a Maré (Nível 3): Com uma ação bônus e um uso de Canalizar Divindade, o paladino cura alvos escolhidos a até 9m que possam lhe ouvir. Os aliados curam 1d6+ seu modificador de carisma em pontos de vida, caso estejam com menos do que metade de seus PVs totais.

Fidelidade Divina (Nível 7): Quando uma criatura adjacente sofre dano, com uma reação você pode sofrer o dano no lugar dela. Esse dano não pode ser reduzido ou mitigado de forma alguma.

Espírito Inflexível (Nível 15): O Paladino tem Vantagem em testes para não ser Atordoado ou Paralisado.

Campeão Exaltado (Nível 20): Uma vez por dia, usando uma ação, o paladino recebe os seguintes benefícios por 1 hora. O efeito acaba caso o paladino seja incapacitado.
-Resistência a dano cortante, perfurante e esmagamento de armas não-mágicas.
-Você e aliados a até 9m recebem Vantagem em resistência de morte.
-Você e aliados a até 9m recebem Vantagem em resistência de SAB.

13 comentários:

  1. Salve nobre e velho amigo Odin!

    Gostei bastante do conceito da classe, mas não gostei do fato de ser ligado a classe dos Paladinos. Não vou falar aqui meu conceito de Paladino, pq vc já sabe qual é. Mas entendo que no D&D5, Paladino não tem esse conceito, onde existe até um Anti-paladino com nome de paladino.

    O conceito da classe é bom sim, mas se fosse mestrar, em minha campanha só teria um tipo de Paladino (que sabemos qual é) e os outros seriam outra coisa qualquer, menos Paladino. Esse "Paladino" Voto da Coroa seria interessante como um Subclasse de Guerreiro. Como um verdadeiro Cavaleiro Justo, acho que assim, ficaria realmente interessante esta classe, mas infelizmente o D&D5 começou errado quando quis fazer tantas variações, que acabou saindo do conceito que queria (que era atrair novos jogadores sem espantar os antigos).

    Já falei aqui, e isso falarei de novo. O AD&D 2e foi a melhor edição que a TSR (hj Wizard) lançou. Sem exagero, prefiro jogar o velho BD&D e colocar toques meus nele, do que jogar essas novas versões de D&D. Os novos jogadores parecem que não tema criatividade de antes, os mestres consequentemente estimula mais o combate que o Role Play.

    Que o Lorde dos Lordes Tyr, perdoe essas pobres almas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Salve, nobre irmão!

      Interessante que pensei o mesmo que ti quando estava escrevendo este pergaminho: O arquétipo ficou muito bom, mas se enquadra um pouco melhor como sub-classe do guerreiro do que do paladino, como um clássico cavaleiro. Em minha campanha, pretendo disponibilizar este arquétipo também para guerreiros, com algumas leves alterações.

      Como paladino, acho que o Voto da Coroa funcionaria muito bem em uma campanha de O Senhor dos Anéis, porque caracterizaria muito bem os cavaleiros de elite de Gondor e os "paladinos" de Dol Amroth.

      Também concordo que o AD&D foi a melhor edição porque estimulava muito a interpretação, e os personagens não tinham (e não precisavam) de arsenais de habilidades especiais. Assim, a diversão estava muito mais na interpretação do que nos "poderes", fato que parece ter se invertido de uma década para cá.

      E vejamos como está o humor do justo Tyr para perdoar (ou não) a Wizard por seus sacrilégios...

      Excluir
  2. Gronark, o Senhor da Dor12 de junho de 2016 23:18

    Paladinos e Algozes... tanto faz, são todos leais e estúpidos cujo o propósito é morrer como gado por causas abstratas e falsas. Somente os escolhidos dos deuses do chaos e da mudança possuem um verdadeiro propósito, que será revelado muito em breve.....

    Deus ignorante de pouca visão, minha mácula já está se alastrando nesses salões há tempos. Não percebe a falta de teus "gloriosos" heróis, pois bem, meus agentes vem trabalhando nas sombras eliminando ameaças e corrompendo potenciais aliados.

    Como você é um caolho desinformado, que nunca chega na hora, me sinto no dever de lhe dar algumas pistas sobre os eventos sombrios que estão por vir....

    1°: Os sábios de Darakar, assim como seu bom e tolo rei, devem estar preocupados com o sumiço de batedores, postos avançados abandonados e o estranho silêncio que envolve as fronteiras do Subterrâneo. Aconselho ao povo robusto a reforçarem os portões com o melhor metal que tiverem, HAHAHAHAHAHAHA

    2°: Aposto que alguns comerciantes já devem ter dado falta dos alimentos deliciosos de Puddlefoot.Um lugar adorável com pessoas pequeninas maravilhosamente roliças e alegres, principalmente um tal de Boris, possuidor de uma habilidade bastante peculiar e que faz a torta de maça mais maravilhosa de todas.....


    O CHAOS ESTÁ CHEGANDO! HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cão sarnento, não ouse subestimar meu conhecimento dos eventos presentes. Tua corja nefasta terá o castigo que merece pelos fios das espadas e machados de meus guerreiros, e isto não será nada comparado ao que vou fazer contigo, filho de mil pais! E não te iludas, pois o fato de os heróis estarem em silêncio não significa que não estejam prontos para erguer suas armas contra ti quando o momento chegar.

      O caos há de voltar diretamente para o lugar de onde nunca deveria ter saído. E desta vez, em pedaços.

      Excluir
    2. A propósito, como, nos Nove Mundos, soubestes sobre Boris e Puddlefoot?

      Excluir
  3. Gostei da mecânica,mas como foi referido anteriormente a classe descreve muito mais um vassalo do que um paladino...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tens razão, nobre irmão. Ele combina mais com um cavaleiro do que com um paladino.

      Excluir
  4. Gronark, o Senhor da Dor13 de junho de 2016 15:04

    Me parece bem ignorante para alguém que possui vastos "conhecimentos" dos eventos recentes, Odin. O que não seria nenhuma novidade, afinal, você é conhecido por sua cegueira, coisa que ocasionou muitas tragédias no passado, HAHAHAHAHAHAHA

    As ameaças que partem de um deus velho, fraco e semi-cego não possuem tanto valor, ainda mais quando as mesmas palavras audaciosas foram proferidas antigamente sem mostrar resultado algum. Ó Odin, Lembra-se das tragédias, das mortes, das lagrimas e dos sofrimentos que impus nesse local há tanto tempo atrás? Não se preocupe caso tenha esquecido, pois logo vai se lembrar, todos irão se lembrar!

    Seus protótipos de "heróis" Não me assustam. Séfora é uma tola de caráter fraco que exita em fazer aquilo quer. Athelstan tem em seu coração a mácula da corrupção de Ravanus em seu coração ainda, acordando a noite com a lembrança da sensação de como era um mero espectador enquanto seu corpo cometia atrocidades pela vontade do demônio. Tristan não chega a ser uma ameaça sendo o leal e estupido que é, ainda mais que Eredhon está em crise. Bremen é um guerreiro verde que ainda não despertou totalmente Ereinion, e duvido que Rhorvals o ensine sobre os segredos dessa espada. Myriena é como a mãe, um bela passarinha inútil presa em uma gaiola de ouro, vivendo apenas para alegrar os pais e o avô. Boris demonstrou uma habilidade curiosa, no entanto, ele já é uma peça fora do nosso joguinho, HAHAHAHAHAHAHAHA

    Nubling e Vardalon conseguiram me prender por um tempo, mas eu voltei em uma época em que a corrupção está maior do que nunca! Irei saborear cada momento de desgraça, só me preocupo com fato de ainda não ter achado o maldito gnomo e o algoz mouro. Sinto que o ilusionista está movendo peças também, e sei que vocês dois estão mantendo o cavaleiro negro oculto, mas logo descobrirei seu paradeiro, e acaberei com aquele que salvou vocês no passado antes que volte a ser uma ameaça para mim!

    Tenho meus olhos e ouvidos por toda parte, Odin. Cada local, cada pessoa, cada evento está sendo cuidadosamente vigiado porque nosso joguinho já começou, e já movi alguma peças para fora do tabuleiro. Uma pena que as pessoas não sentirão os deliciosos sabores das comidas simples condado de Puddlefoot, mas é como os halflings costumam dizer, "não se pode fazer omeletes sem quebrar ovos", HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Para alguém que se tornou um deus há tão pouco tempo, se é que isto realmente aconteceu, tua falas demais, verme do caos. criaturas patéticas como ti sempre surgem e desaparecem da história como um fogo selvagem, que se agita violentamente, mas se estingue demasiadamente rápido. Nibling e Vardalon são aliados valorosos, que hei de encontrar muito em breve. Séfora e Athelstan são agentes divinos formidáveis, como logo terás o desprazer de perceber. O nobre Tristan, ainda não retornou dos Planos Celestiais após sua batalha com o Cavaleiro da Morte de Ravanus, que culminou na morte do Arauto do necromante. Mas o arqui-paladino de Elgalor em breve voltará, e novamente empunhará Aldurian, a espada celeste do arcanjo Laguel. E tu te surpreenderás também com o que Bremen Bhael e Myriena Aldalen reservam.

      Além disso, aprendi muito com nosso último confronto, e mantive uma carta na manga escondida durante estes anos, para o caso de algum seguidor teu ou daquele gobling patético surgisse. Tu sentirás saudades da prisão que Nubling e Vardalon o colocaram, verme. Podes ter certeza.

      ("Em off", o trabalho e deveres em família está consumindo muito do meu tempo, mas sempre que possível, me dedicarei a nossa "guerra", amigo.)

      Excluir
  5. Gronark, o Senhor da Dor13 de junho de 2016 18:33

    Adoro surpresas, Odin, ainda mais aquelas que exigem dor de terceiros inocentes! Veremos como essa geração decadente de heróis lida com horrores que quebraram a vontade de seus antecessores.

    Enquanto você se prepara para nosso futuro embate, eu e o nosso amiguinho em comum, Boris, nos tornaremos mais íntimos. Estou curioso para ver se esse halfling vai resistir a corrupção por mais tempo que Aldharon, HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA


    ("Em off", nem se preocupe. Tenho as minhas crias aqui para cuidar também, por enquanto o Gronark vai ficar no "terrorismo", deixando ganchos e pistas sobre a nova guerra. Seria de grande ajuda pra brincadeira saber quanto tempo passou de uma guerra para a outra.)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tolo, o pequeno Boris está a salvo nos campos de Yondalla em Celéstia. O que tens em mãos é apenas um aspecto - uma sombra - deixada pela Mãe dos Halflings para ser seus olhos e ouvidos no Plano Material.

      (Mais tarde contarei aqui a história de Boris. Quanto ao tempo, podemos usar o tempo real desde o final da última - 5 anos, se não me engano. Aproveitando, que idade estão seus filhos?)

      Excluir
    2. Gronark, o Senhor da Dor17 de junho de 2016 13:56

      Porcaria! É nisso que dá depender de acólitos e cultistas inexperientes, no entanto, é apenas uma questão de tempo para que eu bote minhas mãos no pequenino. Pelo menos os halflings irão lamentar por um bom tempo a perda de suas casas e hortas em Puddlefoot. Devo dizer que é maravilhosa a sensação de sofrimento dessa inocente raça, HAHAHAHAHAHAHAHA

      Os anões tolos ainda devem estar discutindo sobre o que está acontecendo no Subterrâneo, mas logo descobrirão da pior forma possível a causa desses problemas misteriosos, HAHAHAHAHAHAHAHAHAHA

      (Melhor a guerra ser na época da nova geração. Dá mais impacto as histórias dai, podendo ligar os heróis antigos com os novos. O Alberto já tem 5 anos, enquanto as gêmeas, Helena e Milena, fizeram 3 aninhos agora no dia 14.)

      Excluir
    3. (Sim, concordo. Provavelmente em julho terei um tempo para dedicar a isto, e será interessante ver se outras pessoas participam com seus personagens. E interessante saber que está atualmente com três pequenos. Que a benção dos deuses esteja com eles, e que "Gronarks" o mundo real se mantenham longe...)

      Excluir