domingo, 19 de outubro de 2014

Rangers Caçadores no novo D&D

Saudações, nobres guardiães!

Trago-vos aqui a o arquétipo do Caçador da classe ranger, aquele que poderia muito bem ser aplicado a rangers lendários da literatura, como Aragorn e Gwydion.

O Caçador representa realmente o “dunedáin clássico”; um guerreiro altamente treinado que vaga pelos ermos combatendo forças sombrias e protegendo comunidades localizadas em regiões inóspitas.  Em certos níveis, o ranger tem direito de escolher uma entre duas ou três habilidades que descrevem melhor seu estilo de ação e personalidade. As habilidades da classe são:

PRESA DO CAÇADOR (3º Nível): O ranger escolhe uma das seguintes habilidades.
-Assassino de Colosso: Uma vez por rodada, o ranger causa +1d8 de dano adicional com um de seus ataques.
-Matador de Gigante: Quando uma criatura Grande ou maior adjacente tenta atingi-lo, o ranger pode realizar um ataque adicional usando sua Reação naquela rodada.
-Quebrador de Horda: Uma vez por rodada, você pode fazer um ataque adicional contra uma criatura diferente adjacente ao alvo original de seus ataques regulares.

TÁTICAS DEFENSIVAS (7º nível): O ranger escolhe uma das seguintes habilidades.
-Defesa de Multiataque: Quando uma criatura lhe atinge com um ataque, você recebe +4 em sua CA contra todos os outros ataques dela naquela rodada.
-Escapar da Horda: Ataques de Oportunidade contra você sofrem Desvantagem.
-Vontade de Aço: Você tem Vantagem em testes de resistência contra efeitos de medo.

MULTIATAQUE (11º nível): O ranger  escolhe uma das seguintes habilidades.
-Ataque Giratório: Com uma ação você faz um ataque corpo-a-corpo contra cada criatura a alcance.
-Voleio: Com uma ação você faz um ataque à distância contra cada criatura em um raio de 3m dentro do alcance. Você precisa ter munição suficiente para tal.

DEFESA SUPERIOR DO CAÇADOR (15º nível): O ranger escolhe uma das seguintes habilidades.
-Contra a Maré: Quando uma criatura lhe erra em corpo-a-corpo, com uma Reação você a força a repetir o ataque contra outra criatura ao alcance, à sua escolha.
-Esquiva Sobrenatural: Quando atingido, pode usar uma Reação para diminuir o dano pela metade.
-Evasão: Sempre que for alvo de uma magia ou efeito que peça um teste de resistência de DES, que cause dano, em caso de sucesso você não leva dano nenhum em caso de fracasso,  apenas metade em caso de falha.

Comparadas às manobras de combate disponíveis aos guerreiros mestres de armas, estas habilidades do ranger infelizmente são muito inexpressivas, o que talvez seja melhorado no futuro. Contudo, elas ainda assim são interessantes, e podem ser muito úteis nas situações corretas.

2 comentários:

  1. Salve grande Odin!
    Me deu uma baita saudade de jogar D&D agora!
    Bons tempos hahahaa.
    Olha, fiz minha primeira postagem sobre RPG, tentei falar de uma maneira bem casual, mas espero que você goste. Quando der dê uma passadinha lá no blog! Estou adorando suas visitas!

    ResponderExcluir
  2. Salve, nobre irmã!

    Certamente conferirei teus escritos sobre este nobre hobby, e convido todos os guerreiros destes Salões a fazer o mesmo.

    ResponderExcluir