domingo, 9 de junho de 2013

Diablo 3 para Playstation 3 e Xbox 360

Saudações, nobres aventureiros!

Como muitos têm acompanhado, o jogo de computador Diablo 3 foi visto com uma mistura de excitação e frustração ao longo dos últimos meses.

A história e visual do jogo realmente fizeram jus à saga, e as classes de personagens estão muito interessantes dentro do contexto deste universo.

Porém, diversos problemas relacionados a práticas da desenvolvedora Blizzard e ao modelo online no qual o jogo foi criado deixaram muitos fãs furiosos como os poderosos Bárbaros do jogo.Outro ponto que decepcionou alguns jogadores foi os altos requisitos de sistema exigidos pelo jogo para que o mesmo funcionasse realmente bem.

A má notícia é que, apesar de diversas medidas tomadas pela Blizzard, muitos destes problemas ainda persistem, apesar de terem sido consideravelmente atenuados. Para dar um exemplo desta onda de pequenas melhorias, hoje já é possível jogar um versão gratuita do jogo.

A boa notícia, ao menos para aqueles que possuem em seus lares um Xbox 360 ou um Playstation 3, é que no dia 3 de setembro deste ano o jogo estará chegando aos consoles, com diversas melhorias e incrementos que não foram possíveis de se inserir dentro do jogo online. Uma outra boa notícia é a existência de modos totalmente off-line do jogo, algo excelente considerando os problemas de conexão que muitos enfrentam nestas terras.

Para mais informações, entrai neste PORTAL.

2 comentários:

  1. Saudações draconicas nobre Odin o/

    Sou um aficionado pela série, possuo todos os games inclusive o Diablo 3 e jogo já faz um bom tempo, por isso posso dizer que o jogo é divertido e tem quase todos os elementos que fizeram desse título um sucesso. MAS quem conhece e joga diablo desde o primeiro sabe que infelizmente a Blizzard na onda "revolucionaria" do seu MMORPG WoW acabou que implantando algumas características do WoW no Diablo 3 e para nossa tristeza isso deixou o jogo descaracterizado. Um bom exemplo são as Skills e o fato de que quando o personagem sobe um nível você não pode distribuir os famosos 5 pontos de atributo. Basicamente tentaram tornar diablo, que já tinha uma jogabilidade limitada, ainda mais limitado. Outro ponto que não me agradou foi o character design, pois os personagens tem um traço mais toon (exagero de certas características físicas que vemos nos MMOS) que os dos jogos antecessores. Isso contribuiu para quase que eliminar aquele clima pesado de terror gótico (Dark Fantasy) que os jogos mais antigos possuíam. O fato de que você só jogo se estiver conectado também foi, com o perdão das palavras, um chute no saco.
    Os pontos fortes que me agradaram foram:
    A física que foi inserida, o bom enredo e o fato de ter uma boa dublagem em português.

    Spoiler alert!!!

    PS: Ainda acho que Deckard Cain não poderia ter morrido.

    ResponderExcluir
  2. Hahaha, boas observações, nobre amigo.

    O que mais me incomodou foi o fato do jogo só poder ser jogado online, o que é um tremendo problema dependendo onde você deseje jogar; a customização ficou mesmo mais limitada, mas gostei do trabalho que os artistas fizeram ao caracterizar as classes de personagem; gostei muito do conceito usado para o bárbaro, por exemplo.

    A parte mais importante, que em minha opinião é o enredo, realmente parece estar muito boa. Joguei pouco ainda porque o jogo não roda muito bem em meu computador; até por isso fiquei empolgado com a notícia de que o jogo viria para consoles.

    ResponderExcluir