quinta-feira, 6 de setembro de 2012

Cultura e valores dos Meio Orcs em Elgalor

Saudações, guerreiros implacáveis!

Trago-vos aqui um pouco sobre a cultura e valores dos meio orcs de Elgalor. Para mais informações sobre a origem destes selvagens guerreiros, entrai neste PORTAL.

Em Elgalor, os meio orcs vivem em sociedades tribais com seus próprios valores e cultura. Ao contrário do que ocorre em outras ambientações, eles não vivem à margem de sociedades humanas; eles formam um povo orgulhoso de valores tribais e cultura shamanista.

Os meio orcs valorizam a honra acima de tudo em suas vidas; para eles, este conceito é na verdade a essência de suas vidas. Em primeiro lugar, deve-se honrar o clã e seus ancestrais. Depois disso, vem a honra pessoal do meio orc. Para um meio orc, sua honra e sua palavra são infinitamente mais valiosas do que suas vidas. Em condições normais, se um meio orc precisar escolher entre morrer com honra e se esconder ou fugir para poupar a própria vida, ele certamente escolhe a primeira opção, sempre com um sorriso no rosto.

Outro conceito muito valorizado pelos meio orcs é a força. Não apenas a força física, mas também a força espiritual. Shamans e sábios são extremamente respeitados dentro da sociedade tribal dos meio orcs, e os guerreiros somente são considerados homens ou mulheres aos olhos seus clãs quando demonstram possuir corpos e espíritos verdadeiramente fortes. Isto normalmente é medido dentro do campo de batalha, mas em tempos de paz, são feitos diversos ritos de passagem onde os jovens são rigorosamente testados, para então serem considerados homens e mulheres meio orcs.

Quando uma criança nasce, é feita uma grande cerimônia que envolve toda a tribo. A mãe a carrega no colo o bebê e entra em um pequeno riacho ou lago, onde o pai da criança está à espera. Ali, a mãe entrega o bebê ao pai, e o pai ergue a criança aos céus, clamando aquele como seu filho ou filha, e pede pela benção de todo o clã. Após isso, o chefe de guerra da tribo segura o bebê e grita aos quatro ventos que aquela criança está, a partir daquele momento, sob a proteção de todos os membros daquela tribo. Depois, o shaman mais velho pega a criança e a ergue novamente no alto, pedindo pela proteção dos espíritos e de todos os ancestrais do recém nascido. Por fim, o shaman abençoa a criança e a entrega de volta a sua mãe.

Outras características da cultura dos meio orcs:

• Meio orcs se preocupam com a sobrevivência e a dignidade, mas ignoram a estética ou valores artísticos.

• Meio orcs prestam grande reverência aos seus sábios e a seus ancestrais. Para eles, seus sábios são ainda mais valiosos do que seus guerreiros.

• Meio orcs não se desculpam por erros cometidos e nunca esperam desculpas de ninguém. Para eles, o que realmente vale são as ações da pessoa no presente. O arrependimento para um meio orc deve sempre ser demonstrado através de ações, e não de palavras.

• Meio orcs valorizam muito mais a honra do que a esperteza em todos os aspectos de suas vidas.

• Meio orcs reservam a si mesmos e a todos os seus companheiros o chamado “direito da retribuição”. Segundo este princípio, todo homem honrado tem o direito de se vingar de injustiças que lhe foram cometidas não importando as circunstâncias ou conseqüências pessoais que isso lhe traga. O direito da vingança é sagrado para os meio orcs.

6 comentários:

  1. Esses meios-orcs grande odin estão a sua cara ^^
    Parabens pela bela descrição

    ResponderExcluir
  2. Hahaha, estas dizendo que sou belo como um meio-orc? Não estás longe da verdade...

    De qualquer forma, obrigado pelo elogio, e sejas bem vindo de volta aos Salões de Valhalla!

    ResponderExcluir
  3. Odin, nesse caso, a raça meio-orc é pura? Não é fruto de uma relação entre um orc e uma mulher?

    Achei interessante o conceito.

    ResponderExcluir
  4. Sim, nobre amigo. Como descrevi em um post anterior (meio orcs em Elgalor), os meio orcs desta era são totalmente puros. Em eras antigas, eles foram resultado de pérfida feitiçaria que transformou bárbaros humanos em criaturas mais fortes e selvagens, que serviam como escravos e gladiadores.

    ResponderExcluir
  5. Para mais informações, entrei no link: http://odin-valhallarpg.blogspot.com.br/2012/01/meio-orcs-em-elgalor.html

    ResponderExcluir
  6. Gradei D+ dos meio-orcs! E o tal "direito de retribuição" é algo sagrado pra mim tb. Deveria ser um dos artigos da constituição!!! kkkk ;D

    ResponderExcluir