terça-feira, 10 de abril de 2012

ASGARD RPG 2ª Edição: Rolagem de Dados

Saudações, bravos heróis!

Como já havia dito em um pergaminho anterior, estou começando os preparativos para a nova edição de ASGARD RPG, que há de corrigir algumas falhas da edição anterior e acrescentar as sugestões dadas por vós, nobres irmãos de Valhalla, nestes Salões ou através de mensagens enviadas a meus corvos.

Para começar gostaria de debater o sistema de dados usado nas jogadas de ataque, dando, perícias, etc. Recebi diversos pedidos por uma incorporação do d20, como é feito no excelente Old Dragon, enquanto outros defendem o uso de 3d6 ou mesmo de apenas 2d6.

O jogo será flexível o bastante para comportar mais de uma opção de rolagem de dados, mas gostaria de saber vossas opiniões sobre isso. Quem tiver interesse em participar, basta votar na enquete ao lado, e se desejar defender teu ponto de vista, comentários serão muito bem vindos.

Conto convosco para criar um jogo que (dentro dos limites do possível), seja interessante a todos.

15 comentários:

  1. Apoio a iniciativa. Que venha para enriquecer ainda mais. E volto também com minha sugestão de uma criação e evolução de personagens com base em pontos. Ou, talvez, a criação de uma única classe genérica para todos, com liberdade para uma compra variada de habilidades, de modo que os personagens possam se customizar como bem entendem.

    ResponderExcluir
  2. Cara, eu não conheço a 1º Ed. A ideia do Jneves é otima.

    A compra com pontos, baseado num esquema do M&M pode lhe servir bastante.

    Os d6 são bons para ajudar com equilibrio na mesa.

    ResponderExcluir
  3. Apesar do d6 ser mais popular
    Existe dado mais gostoso de jogar ou facil de amar q o d20?
    Eu acho q não =P

    Os d20 é mais aleatorio q 2d6
    E bem mais aleatorio q 3d6

    Pra quem ignora a questão:
    A chance de se tirar um 20, um 10 ou um 1 no d20 são iguaus
    Com 2d6 bem mais chance tirar um 6 q um 12
    Afinal eh 6+6 contra 1+5, 5+1, 2+4, 4+2, 3+3
    Os resultados de 2d6 tendem para o meio.

    Particulamente eu acho chato,
    Esse tipo de jogo muito equilibrado.
    Muita gente q jah provou do gostinho do d20 tbm
    E acabam com preconceito de sistemas baseados em d6
    Sem saber explicar direito

    Reiterando d20 rola bem e eh mais aleatorio

    ResponderExcluir
  4. Eu também gosto muito do d20, nobre Odin. No entanto, é um dado que não se encontra em qualquer lugar (embora sempre dê para comprar pela internet), então o d6 tem essa vantagem. Mas eu particularmente prefiro o jogo com d20, até pelo fato de facilitar a soma (lembra quando fizemos a playtest na Odisséia, o quanto o pessoal demorava para somar?).

    ResponderExcluir
  5. Prefiro o D20 por questão de estética. Deixa o jogo com ar diferente dos de tabuleiro normal. Isso que me atraiu para o D&D.

    Já 3D6, adotado no GURPS, acho realista e equilibrado!

    ResponderExcluir
  6. Interessantíssimas colocações, nobres irmãos. Muito obrigado por vossas sábias palavras, estão realmente me ajudando muito.

    Naturalmente, vossos nomes constarão nos agradecimentos deste novo tomo...

    ResponderExcluir
  7. Pessoal, gosto muito da ideia do J Neves sobre a distribuição de pontos para serem jogados, mas em relação aos dados, para mim é d20 na veia, pelas razões que todos aqui comentaram.

    ResponderExcluir
  8. Apesar que os sistemas que mais joguei na vida seja D&D 3E/4E (gosto das duas edições, mas prefiro a 4E), eu sou a favor de um jogo de resoluções rápidas e combates dinâmicos e o D20 trava mais o jogo por sua aleatoriedade e consequentemente trava não só o combate como qualquer teste, e nesse ponto o 2D6 é muito mais ágil.

    Prefiro 2D6 a 1D20.
    Estou desenvolvendo um sistema caseiro e o 2D6 será a minha base.

    Esclarecimento em % , cada número do D20 representa 5%.

    ResponderExcluir
  9. Eu detesto o d20, gera valores altos d+ e muito variados, a não ser que se use o d20 pra roll under, acho interessante (estilo Pendragon).
    Acho que na verdade o que o povo gosta no sistema d20 não nem o dado em si, e sim a certeza de ter apenas um dado de teste (seja pericia, resistência, ataque e etc). eu faria usando d10! e pra danos e etc apenas d4, d6 e d8. Logo o d10 tomaria o mesmo estilo de função do d20, sendo exclusivo pra testes, e os outros dados caberiam a efeitos de magia, dano e armas e similares. Tendo em vista que o sistema é mortal, acho que seria aceitável que o dano máximo de uma arma de duas mãos tipo uma espada montante fosse 2d8, o de um machado grande 3d6, e pronto (3d6 como teto máximo de dano). Já como sugestão digo que armaduras deveriam absorver frações tipo: Armadura leve reduz 1/4 do dano, média 1/3 e pesada 1/2!

    ResponderExcluir
  10. Interessantes considerações, irmãos. Muito obrigado por compartilhá-las conosco.

    O uso do d20 é realmente prático porque facilita os cálculos (é muito mais rápido ler um número no d20 do que somar 3 em 3d6). Também compartilho da ideia de que é interessante ter um dado para testes e outros para magias/ dano de armas. A curva de probabilidade de um d20 é mesmo maior do que a de 3d6 (1-20 contra 3-18), mas não considero isso um problema, contanto que os modificadores dos personagens não atinjam níveis estratosféricos como ocorre em D&D 3. Apesar de gostar do d10, acho que a curva de probabilidade seria baixa demais usando apenas 1 destes dados.

    E Regis, desejo-te muito sucesso no desenvolvimento de teu sistema!

    ResponderExcluir
  11. Uau! Curva de probabilidade. Alguém andou estudando! Brincadeira Odin! Mas quando eu quero falar dessas coisas todos torcem o nariz e dizem que é nerd!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É nerd mesmo. Quando eu falo do poder do amor você também torce o nariz, então para de chorar Aramil.

      Excluir
    2. Poder do amor... por favor. Eu, um mago, prefiro ter um machado nos mãos do que o poder do amor.

      Excluir
  12. Gostaria de deixar o link da loja de rpg Taberna do Dragão, que possui muitas opções de dados rpg.

    ResponderExcluir
  13. Saudações aos irmãos de aço ! Desejo saber o que tenho de fazer para adquirir um livro de Asgard RPG ! Se sera lançado uma nova edição e se existem suplementos disponiveis !

    Abraços

    ResponderExcluir