terça-feira, 9 de agosto de 2011

Conan em ASGARD RPG: Red Sonja

Histórico: Sonja era uma bela garota ruiva que vivia na Era Hiboriana, em uma fazenda da nação conhecida como Hirkânia. Nascida em uma família bastante humilde, sua mãe era uma mulher de grande fibra e seu pai, um mercenário aposentado.

Sonja tinha também dois irmãos, e juntos, os cinco levavam uma vida simples, mas feliz. Todos os dias, o pai de Sonja pacientemente ensinava aos filhos homens o manejo da espada, enquanto à menina só era permitido assistir às instruções. A bela ruiva, contudo, não aceitava aquilo e, quer por orgulho, quer por ciúme dos seus irmãos, todas as noites saía escondida para praticar o manejo da espada, o que lhe era proibido pelo pai.

Em um dia comum de final de outono, uma tropa de mercenários surgiu das montanhas próximo à fazenda onde Sonja vivia. Eram antigos companheiros de seu pai, convidando-o a unir-se a eles para a campanha de inverno, onde iriam agir no reino de Khitai.

O pai de Sonja recusou o convite, uma vez que não concordava com o que seria feito e não desejava deixar sua família desprotegida durante todo o inverno.
Enfurecidos pela recusa do guerreiro, os mercenários mataram-no, e em seguida chacinaram sua mulher e filhos. Logo depois disso, o líder do grupo violentou a linda Sonja. Ateando fogo à casa e à fazenda, os mercenários partiram, deixando sonja para morrer queimada nas chamas.

Por milagre, a jovem ruiva conseguiu escapar das chamas enrolando seu corpo em um cobertor molhado. Deixando a casa desesperada, ela correu alguns metros e tombou no chão quase desfalecida, quando a visão de uma misteriosa deusa chamou-lhe a atenção. Com uma voz que lembrava música e ao mesmo tempo o ribombar de trovões, a divindade falou à jovem que poderia conceder-lhe força para vencer seu sofrimento e assumir finalmente o caminho da espada. A única condição estipulada pela deusa é que Sonja não poderia permitir que nenhum homem a possuísse novamente, exceto que este a vencesse em combate.

Aceitando prontamente as condições propostas pela deusa, Sonja foi tocada pela espada da deusa, e foi imbuída de grande poder; seu corpo se tornou muito mais forte, resistente, e ágil. Sua habilidade com a espada foi também misticamente aprimorada. Sonja agora possuía a força e vigor superiores a da maioria dos homens, e sua habilidade com a espada chegava próxima ao nível apresentado por espadachins muito experientes. Guiada por um forte desejo de vingança, Sonja buscou vingança contra aqueles que destruíram sua família, e posteriormente se tornou uma grande mercenária.

Sonja é uma mulher impulsiva e orgulhosa, que deseja sempre conseguir êxito sem receber ajuda externa, especialmente se esta vier de homens. Apesar de ser conhecida em vários locais como “mulher demônio”, ela é uma mulher honrada, e uma defensora ferrenha de mulheres e pessoas simples que lembram sua falecida família. Tanto que, após muitos anos como aventureira mercenária, Sonja foi eventualmente coroada rainha da Hirkânia, sendo considerada por seu povo uma líder extremamente justa e sábia.

ESTATÍSTICAS DE JOGO

Red Sonja
Raça: Humana
Tendência: Honrada
Classe/ nível: Guerreira/ 10º nível
Pontos de Vida: 40
Atributos: For 14, Agi 15, Vit 13, Int 10, Pre 15, Pro 13
Resistências: Vitalidade 6, Esquiva 8, Força de Vontade 6
Pontos de Bravura: 6
Ajuste de Sorte: 4
Principais Aprimoramentos Raciais: Domínio dos Homens, Determinação, Senhores do Destino.
Principais Aprimoramentos de Classe: Mestre de Armas, Ataque Crítico, Perícia em Combate.
Principais Aprimoramentos Gerais: Bravura dos Heróis, Resistência dos Heróis, Vitalidade dos Heróis.

Principais perícias:

PERÍCIA

GRADUAÇÕES

Cavalgar

10

Combate com Armas (Espadas)

10

Combate com Armas (Arcos)

10

Combate com Armas (Machados)

10

Escalar

10

Nadar

05

Rastrear

05

Saltar

10

Sobrevivência

05


11 comentários:

  1. Show de bola essa personagem. Isso me faz querer voltar a ler a HQ dela...

    ResponderExcluir
  2. A história dela é bem legal, embora ache curioso que a maioria das pessoas gostam mais dela do que a pirata Bêlit (os homens preferem as ruivas?) poucas conseguiram fisgar o coração do cimério como ela.

    ResponderExcluir
  3. É que acho que investiram mais na sonja, pois ela chegou a ter suas próprias HQs...

    ResponderExcluir
  4. Nas histórias em quadrinhos de Conan realmente foi colocada uma atenção maior em Sonja do que em Bêlit, apesar das grandes façanhas da rainha dos piratas...

    ResponderExcluir
  5. Coitada, fico com muita dó do início da história dela...

    ResponderExcluir
  6. Rhorvals Alhanadel, o Ciclone de Aço10 de agosto de 2011 15:12

    É um começo triste, mas muitos heróis nascem da tragédia, e graças a eles muitas calamidades e tristezas são evitadas.

    Uma coisa para complementar o conhecimento da postagem. A Red Sonja já foi rainha da Hirkânia, e seu reinado foi extremamente justo e igualitário.

    ResponderExcluir
  7. Gronark, Deus do Sofrimento e Campeão do Chaos10 de agosto de 2011 15:31

    Você entende isso melhor do que qualquer um, não é Rhorvals? Afinal você é fruto de uma violência. Também não podemos nos esquecer da sua filha! Que fez inúmeras crueldades com pessoas inocentes e hoje vive tranqüila na Torre Branca, sem falar que ainda a chamam de heroína!

    Não se preocupe Astreya. Ela como toda donzela gostou daquilo, afinal se não tivesse gostado não andaria mostrando o corpo para meio mundo.

    Na era Hiboriana os fortes tem o que querem, e os fracos devem se juntar para barbarizar outras pessoas mais fracas! Em fim esse foi um tempo caótico!

    AHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA

    ResponderExcluir
  8. Bem lembrado, amigo Rhorvals: Sonja é uma das muitas grandes almas que nascem de uma tragédia, e como bem dissestes, quando foi coroada a rainha da Hirkânia, foi considerada uma líder extremamente justa e sábia.

    Vou anexar isso ao texto original. E antes que me esqueça, guarde tuas tolices para si mesmo, maldito Gronark!

    ResponderExcluir
  9. Sou fã dessa ruiva Hyrkaniana ótima adaptação grande Odin \o/

    ResponderExcluir