terça-feira, 24 de maio de 2011

Rangers nos Nove Mundos

Saudações, nobres guardiães das terras selvagens!

Vos apresento aqui as principais habilidades dos rangers de ASGARD RPG e dos Nove Mundos.

Rangers são conhecidos como caçadores lendários, e a maioria atua de forma independente ou dentro de uma ordem focada em proteger certas regiões ou mais afastadas da civilização. Extremamente ligados à natureza, são rastreadores natos e inimigos jurados das forças sombrias.

E muitos locais eles são conhecidos como guardiões ou até mesmo fantasmas, dado a seu ímpeto de proteger regiões selvagens e simplesmente “desaparecer” na escuridão quando seu trabalho está encerrado. É muito comum que grupos de rangers se aventurem em locais completamente inóspitos e perigosos como Niflheim para monitorar as atividades de criaturas malignas e exterminá-las antes que elas possam causar mal a pessoas inocentes.

HABILIDADE ESPECIAL: MESTRE RASTREADOR

Benefício: Rangers recebem um bônus de +4 em testes de Sobrevivência e Rastrear.

APRIMORAMENTOS DE CLASSE

No 1º nível, você deve escolher dois dos seguintes aprimoramentos de classe:

FLAGELO DE NIFLHEIM

Benefício: Você recebe um bônus de +2 nas jogadas de dano quando enfrenta criaturas nativas de Niflheim (lobos, orcs, demônios, esqueletos...). e +2 nos testes de Força de Vontade para resistir à aura de medo de algumas destas criaturas.

MESTRE HERBALISTA

Benefício: Devido a seu intenso conhecimento sobre plantas e ligação com a natureza, você recebe um bônus de +4 em testes de Primeiros Socorros, e os pontos de vida que você recupera em um teste bem sucedido da perícia aumentam em +1d6.

PASSOS DO CAÇADOR

Benefício: Você é capaz de andar sobre espinhos, neve espessa ou gelo fino normalmente, e recebe um bônus de + 4 em testes de Furtividade.

SENHOR DO ARCO E DA ESPADA

Benefício: Você recebe um bônus de +1 em Combate com Armas (Espadas) e Combate com Armas (Arcos).

SENHOR DOS FALCÕES

Benefício: Você adquire um falcão (ver capítulo IX) como aliado e vigia. O falcão entende suas ordens e comandos e é absolutamente leal a você enquanto estiver sendo bem tratado.

9 comentários:

  1. Esse ranger ta bacana, penso porém se poderia haver a chance de escolher entre um falcão ou lobo (acho o lobo tão nordico e das neves pra um ranger), e finalmente estes tipos de habilidades como o arco e espada deveriam conceder outra coisa, sei lá um bonus de +1 em algo q é pericia e se aumenta com nivel/pontos, sempre me parece pouco atrativo, porém se mestre arqueiro concedesse a habilidade de criar algumas flechas com melhoria/magicas por dia e mestre da espada permite-se algo similar, seria legal, peço-lhe grande odin como fã de teu cenario e sistema e acompanhante de teus halls que reveja habilidades como a supracitada!
    O Asgard RPG tbm terá versão gratuita?

    ResponderExcluir
  2. Grato pelas sugestões, nobre falcão.

    O lobo (em uma forma mais poderosa) está sendo usado para os druidas, mas realmente, nada impede que um lobo comum esteja disponível para o ranger. Hei de acrescentar tua sugestão ao livro básico e pensarei a respeito de tuas outras considerações a respeito da habilidade Senhor do Arco e da Espada.

    ASGARD RPG terá apenas a versão impressa, pois desejo direcionar o lucro a entidades assistenciais como prometi anteriormente. Todavia, realizarei um Halls of Quests onde serão sorteados 2 exemplares.

    ResponderExcluir
  3. Gostei desse ranger, grande Odin. Ele finalmente sai daquele arquétipo do ranger com magias e que luta com duas espadas. A habilidade mestre herbalista e a senhor do arco e espada são ótimas para criar um ranger no estilo de Aragorn.

    Eu concordo com o Falcão quanto ao lobo porque seria legal dar essa opção ao ranger, mas discordo quanto a habilidade senhor do arco e da espada. É verdade, a habilidade não é tão atrativa porque o que ela confere qualqer um pode subir com pontos de perícia, mas fazer com que ela forneça golpes especiais ou flechas mágicas vai fazer com que o sistema vire um D&D (nada contra D&D). Se não der para deixar a habilidade mais atrativa mantendo a consistência do cenário e sistema, acho melhor não mexer.

    Bom, esta é a minha opinião.

    E que legal que vai haver sorteio de dois livros. Eles serão autografados, não é? E quem não vencer, vai ter um prêmio de consolação?

    ResponderExcluir
  4. Cara o exemplo de flecha magica ou similar é meramente ilustrativo, poderia ser qualquer coisa, eu acho interessante se pudesse ser algo similar a um ataque poderoso que o ranger poderia desferir com estas armas , do tipo subtrai x da pericia e adiciona x ao dano, pronto, ma apenas com estas armas, acho uma manobra simples, atrativa, e que ao meu ver (corrija-me se estiver errado) não atrapalharia o cnario, fora que esse tipo de manobra poderia ser aplicado a outras classes tbm com armas caracteristicas da classe, por exemplo a lança pro paladino (q segundo odin será tipo um cavaleiro)!

    ResponderExcluir
  5. Eu gostei da classe, está com um conceito bacana. Como apontou o Black, está mais para o Guardião de SdA mesmo. Quanto as sugestões conflitantes, eu tenho receio em opinar. A princípio o bônus me pareceu justo e equilibrado, mas a sugestão do Falcão o faria ficar mais atrativo, sem dúvida, por outro lado, deve-se ter cuidado com essa coisa das habilidades, pra não virar purpurina de mais em algo que está perfeitamente sóbrio. Acho que é válido o uso da habilidade como um "ataque poderoso", ou talvez o treinamento com arco e espada torne mais fácil para o ranger acertar pontos específicos no inimigo, ou o torne mais apto a defesa com uma das armas e, ainda, pode servir para que ele simplesmente dê mais dano, como apontado acima.

    Regras estão longe de ser meu forte, mas creio que essa valorização, não só no ranger, o fará brilhar mais... Sem as purpurinas desnecessárias.

    ResponderExcluir
  6. Amigos, vos sou muito grato por este debate. São estas sugestões que realmente agregam valor a este trabalho. como Black Knight e J. Neves IV disseram, este ranger é mesmo espelhado no guardião de Senhor dos Anéis (e conseqüentemente no ranger do sistema Coda). A observação do Falcão Branco sobre os lobos é bastante válida, e a habilidade Senhor do Arco e da Espada realmente não é muito atrativa por ser deveras simples.

    Entendi o sentido alegórico que o Falcão Branco quis dar ao mencionar a "flecha mágica", e entendo os temores de Black Knight e J Neves a respeito de habilidades especiais que possam ficar exageradas (as conhecidas purpurinas)

    Tendo em vista tudo que foi dito até aqui, pensei nas seguintes alterações:

    - O ranger poderá escolher entre um falcão ou um lobo comum com a habilidade Senhor dos Falcões (o nome obviamente será alterado)

    - Quanto à habilidade Senhor do Arco e da Espada, o bônus será o seguinte: Com o arco, o ranger ganha +1 nas jogadas de acerto e dano e aumenta em 25% o incremento de distância do arco. Com a espada, ele recebe um bonus de + 1 nas jogadas de acerto, dano e Defesa. Ambas habilidades são perfeitamente plausíveis, tornam a habilidade mais interessante e sem exageros. E como lembrado por vós, isso alterará a mecânica de certas habilidades do paladino (que realmente será um cavaleiro) e do guerreiro.

    Qual vossa opinião sobre isso, nobres conselheiros?

    ResponderExcluir
  7. Eu gostei muito das mudanças. Ótima sacada a do incremento do arco!

    ResponderExcluir
  8. Concordo com J. Neves IV. A habilidade ficou atrativa e sóbria ao mesmo tempo. Gostei bastante.

    E falcão, perdoe-me se te ofendi. Não foi minha intenção.

    ResponderExcluir
  9. Grato, bons amigos. Está feito então. Se mais alguém tiver uma sugestão que deseje compartilhar, basta colocar um comentário.

    ResponderExcluir