quinta-feira, 19 de agosto de 2010

Halls of Quests: O Julgamento de Selwyna (Resultado)

Saudações, nobres almas.

Após uma acirrada disputa, ficou decidido que a jovem Selwyna seria julgada por um tribunal de Heironeous, e que para pagar por seus crimes passados, deveria ficar sob supervisão direta da ordem e prestar serviços à comunidade pelos próximos dez anos. O paladino Aldharon retornou aos Cavaleiros do Trovão e conduzirá, a partir de hoje, um destacamento desta ordem treinado para neutralizar bruxos, demônios e outros vilões que utilizam a magia arcana para fins nefastos. Durante os próximos anos, Selwyna fará parte deste novo destacamento, auxiliando-o em suas missões.

Agradeço a todos vós que participaram da decisão desta contenda, e que os deuses da guerra estejam convosco no campo de batalha.

18 comentários:

  1. Aldharon, Cavaleiro do Trovão de Heironeous19 de agosto de 2010 08:42

    Realmente, a justiça foi feita. Obrigado a todos aqueles que lutaram ao nosso lado e nos ajudaram a trazer a verdadeira justiça sem derramamento de sangue.

    Burne Travers, fico muito feliz em contar novamente com o apoio e amizade de nossos irmãos de St. Cuthbert. Que uma vez mais nossas flâmulas avancem lado a lado no campo de batalha.

    ResponderExcluir
  2. Ainda bem que tudo deu certo. No final, a justiça prevaleceu, mas juntamente a ela a misericórdia. Que Selwyna encontre muita luz em seu novo caminho!

    ResponderExcluir
  3. Ainda bem que tudo se resolveu da maneira correta, com justiça e misericórdia. E não vou precisar enterrar meu personagem, o Slobodan, rsrsrs.

    ResponderExcluir
  4. Como me foi mostrado em uma visão, o destino da jovem Selwyna está ainda em aberto, e ela não poderia ser condenada à morte.

    Espero que meus companheiros de ofício, os Clérigos e Inquisidores de St. Cuthbert, percebam a justiça do caso e aceitem a misericórdia que foi aplicada na medida certa.

    E que Pelor proteja a todos!

    ResponderExcluir
  5. Rhorvals Alhanadel, o Ciclone de Aço19 de agosto de 2010 13:58

    Obrigado a todos, mas 10 anos é muito tempo e ela ainda por cima é caótica e boa. Vai ser difícil para ela.
    Aldharon, não fique tão contente, eu ainda não dei minha benção para vocês se casarem. Então mantenha suas mãos longe da minha filha.

    ResponderExcluir
  6. Espero que ocorra tudo muito bem para vocês. E como minha sobrinha será integrada a Ordem ? E como e quais serão seus deveres ?

    ResponderExcluir
  7. Fico feliz que todos aceitaram o resultado do julgamento. Considero o resultado uma vitória para a justiça.

    ResponderExcluir
  8. Verhanna Folha Selvagem, a Arquidruidisa de Kharnat19 de agosto de 2010 17:48

    Minha filha está salva graças aos esforços de todos nossos amigos. Ter que ficar longe da minha filhota por mais 10 anos será muito triste. Eu não consegui ver ela crescer e se amadurecer, fui péssima mãe.

    ResponderExcluir
  9. Odin, até ia colocar aqui as ações do meu personagem durante o pré e julgamento, mas só deu tempo de mandá-las por e-mail pra Astreya, pq queria combinar uma ação conjunta de todos os "Defensores". Aí, qdo ia colocar em prática, 'cabou o tempo! XD

    Mas fico muito feliz com o resultado! Só me entristece o fato de minha participação ter sido tão mínima...

    ResponderExcluir
  10. Selwyna, a Bruxa da Rosa Negra19 de agosto de 2010 18:17

    LIBERDADE! Obrigado a todos que me ajudaram nessas horas sombrias. Agora terei que passar 10 anos ao lado dos cavaleiros, e espero que Aldharon não me faça ir assistir justas, e querer que me vista como uma dessas damas da corte espalhafatosas em bailes garbosos.
    Aramil, como tu podes falar em justiça? Você mesmo avia dito que me absolver seria uma injustiça, e agora fica feliz e diz que isso foi uma vitoria para toda justiça.
    Se meu bisavô não dava à mínima para mestiços e não me considera sua parenta por mim tudo bem. Nunca ganhei nada dele mesmo, e também não gosto de elfos arrogantes que somente se importam com imagem e linhagens sanguíneas!

    ResponderExcluir
  11. Selwyna, a Bruxa da Rosa Negra19 de agosto de 2010 18:22

    Não te culpes minha amada mãe. Tudo que aconteceu não foi sua culpa, e não guardo nenhum rancor de ti ou meu pai. Espero que possamos ser uma grande e feliz família, e quero um irmãozinho rápido.

    ResponderExcluir
  12. Selwyna, você não foi absolvida, sua tola. Você só não foi condenada à morte. Ainda terá que pagar pelo que fez, e isso é justiça, independente de eu te achar uma meio-humana indigna de confiança.

    ResponderExcluir
  13. Selwyna, a Bruxa da Rosa Negra19 de agosto de 2010 21:45

    Você realmente merecia aquele soco Aramil, pena que Hargor me impediu. Aposto que você estava com vontade de me ver queimar não é? Juro que não entendo como Astreya, Oyama e os outros te agüentam.
    Eu ajudo as pessoas de boa vontade e não me importo com raça ou herança, já que pessoas que são assim não são tão diferentes dos monstros que seguem Zarus.
    Só acho que eu seria mais efetiva se ajudasse alguma casa de cura ou orfanato, eu realmente gosto de crianças.

    ResponderExcluir
  14. Oyama Flagelo das Feras19 de agosto de 2010 23:53

    Parabéns pelo julgamento, acredito que dez anos ao lado dos seguidores de Heironeous trará uma boa dose de auto controle para Selwyna.
    E minha jovem, não precisa se irritar, agora é o momento de mostrar a sua dignidade e sair de cabeça erguida, é um castigo longo para uma mente livre como a sua, mas será de grande valia e utilidade para nosso reino.
    Se sobrar um tempinho dê uma passada no Templo Marcial de Erebor, você é bem vinda lá.

    ResponderExcluir
  15. Aldharon, Cavaleiro do Trovão de Heironeous20 de agosto de 2010 09:18

    Rovharls, você e Verhanna não precisam se preocupar com Selwyna, pois poderão vê-la sempre que quiserem, e após o primeiro ano de serviço, ela terá liberdade para "tirar férias" como todos nós da ordem e visitá-los onde quer que estejam, mesmo que sob alguma supervisão. Prometo também que ela será bem cuidada e que nos ajudará da maneira que escolher. Sim, será difícil para ela se adaptar a nossos códigos de conduta, mas como meu grupo atuará como cavaleiros andantes, haverá certa flexibilidade.

    Selwyan, não se preocupe, pois ao contrário do senso comum, paladinos não têm tempo para festas na corte ou duelos em justas; prometo que você não será aborrecida com isso.

    Por fim, obrigado a todos que estiveram a nosso lado.

    ResponderExcluir
  16. Não se importe com Aramil, Selwyna. Ele tem uma visão bem distorcida, mas quando tudo aperta, todos trabalhamos juntos e esquecemos as diferenças (ainda que temporariamente). Novamente, parabéns, e que ti e Aldharon espalhem o bem em vossos caminhos.

    ResponderExcluir
  17. Tomara que tudo de certo para Selwyna na ordem. Agora terei que achar esses malditos diamantes para conjurar a ressurreição, mas também descobri que uma alma que foi sacrificada pode ser ressuscitada se conjurar Milagre e Desejo ao mesmo tempo. Espero que Lenora me ajude nisso ou o Rhorvals.
    Aldharon, a minha sobrinha poderá ir às reuniões das bruxas que acontecem uma vez a cada estação? E se prepare para desacatos a autoridade. Hahahahaha

    ResponderExcluir
  18. Imperador Vernard Vardalon, Campeão de Hextor20 de agosto de 2010 15:49

    A justiça foi feita, e agora minha neta e Aldharon tem um novo caminho pela frente. Tenham cuidado com Adolf e o clero de Zarus, eu tenho certeza de que aquele animal ainda causara muitos problemas.

    ResponderExcluir